Arteterapia Funciona Mesmo? | Desenho, pintura, colorir e escultura são mais do que apenas técnicas educacionais criativas – são veículos de autoexpressão e compreensão.

No mundo da terapia da arte, um terapeuta de arte licenciado e credenciado pode orientar um indivíduo a descobrir mensagens e símbolos em várias formas de arte, penetrando profundamente nos sentimentos mais íntimos de uma pessoa, examinando o significado psicológico por trás de suas criações.

Esta forma de expressão é um método de tratamento comprovado para questões subjacentes e pode ajudar os clientes a descobrir diferentes aspectos de suas próprias personalidades. Confira mais detalhes em nosso portal!

Arteterapia Funciona Mesmo?

arteterapia funciona mesmo
arteterapia funciona

Fundada na crença de que a autoexpressão através da arte e criatividade tem um efeito curativo em crianças e adultos, a terapia artística combina psicoterapia e alguma forma de arte visual.

Os terapeutas são treinados para entender como a cor, a textura e vários meios podem ajudar a possibilitar o processo terapêutico, revelando os pensamentos, sentimentos e disposição geral de uma pessoa. Em uma sessão típica de arteterapia, uma pessoa pode esperar ser exposta a desenho, pintura, escultura e colagem – ou a uma combinação de meios de comunicação.

O objetivo de um terapeuta de arte é engajar a mente e o corpo de uma pessoa além da articulação verbal sozinha. Através do ato de criação, uma pessoa pode explorar oportunidades cinestésicas, sensoriais, perceptivas e simbólicas para se expressar, ajudando a dar voz a uma experiência – capacitando um indivíduo a transformar sua percepção de quaisquer desafios com os quais esteja lutando. Na prática, a terapia artística pode ser administrada em combinação com a terapia da fala ou como uma forma autônoma de terapia.

Quem se Beneficia da Arteterapia?

Uma pessoa não precisa de habilidade artística ou de um talento criativo especial para se engajar e se beneficiar da terapia da arte. Na verdade, pessoas de todas as idades – crianças, adolescentes e adultos – podem tirar proveito deste método de tratamento.

Pesquisas concluem que tanto a presença da arte, quanto a terapia artística podem ter um impacto positivo na melhoria da saúde mental de uma pessoa. Na verdade, um estudo examinou 27 relatórios sobre este assunto para determinar a eficácia da terapia artística, descobrindo que as seguintes populações clínicas experimentam um impacto positivo significativo:

  • Pacientes com câncer
  • Indivíduos que lidam com o trauma
  • Clientes de saúde mental
  • Prisioneiros
  • Populações idosas
  • Aqueles que enfrentam desafios diários

Em geral, os clientes que sofreram traumas emocionais, violência física, abuso doméstico, ansiedade, depressão e outros desafios psicológicos encontram benefícios psicológicos positivos ao se expressarem através da arte-terapia.

Equívocos comuns sobre a Arteterapia

A “terapia da arte” às vezes é mal compreendida simplesmente devido à falta de compreensão sobre a profissão. Você pode ver isto em qualquer lugar – desde anúncios de arte para fins terapêuticos até treinamento profissional em arteterapia que fornece aos participantes um certificado após a conclusão.

Nesses casos, e em muitos outros, o uso do termo “arteterapia” é aplicado incorretamente, pois sugere que a arteterapia não é uma profissão que requer credenciais adequadas.

Na maioria das vezes, porém, há uma concepção errônea de que qualquer classe artística oferece os mesmos benefícios que a arteterapia. Uma aula de arte é focada no ensino de técnicas de artesanato e na criação do produto artístico final desejado, enquanto que a arteterapia é focada na experiência intrínseca de uma pessoa.

Um exemplo que é comumente mal representado são os livros de coloração para adultos e várias outras atividades de coloração. Embora a coloração possa ser uma atividade divertida e que alivia o estresse, ela deve ser diferenciada dos serviços de arteterapia prestados por um terapeuta de arte credenciado.

Agora que você sabe se arteterapia funciona, deixe seu comentário!

Site parceiro: Como Desenhar Bem Feito